5 dicas práticas para você usar e-mail marketing na sua estratégia de comunicação

Assessoria de Imprensa, Comunicação Digital, Comunicação Estratégica, Tendência

Depois de ser saudado como uma das novas maravilhas da comunicação digital, o e-mail marketing passou por uma fase de descrédito e hoje, ainda, não são poucas as pessoas que continuam afirmando que ele não funciona mais. Ou, então, que foi engolido pelas mídias sociais. Mas, pelo bem da sua estratégia, não acredite nisso.

Se utilizado de forma adequada, o e-mail marketing é um dos mais econômicos, eficazes e democráticos canais de comunicação para pequenas, médias e grandes empresas. Veja algumas dicas que listamos para você utilizar bem esta importante ferramenta nas suas ações de marketing de relacionamento.

1. Segmentação

Quantidade não significa qualidade. Por isso, não adianta enviar uma mensagem a um grupo enorme de contatos de maneira indiscriminada. O primeiro passo é selecionar e organizar seus grupos de relacionamento, separando-os por diferentes critérios, relacionados à sua estratégia: geográficos, faixa etária, gênero, perfil e outros. A definição dos buyer personas da sua empresa é fundamental nesta fase. Os mailings devem ser permanentemente acompanhados e atualizados, para escapar dos bounces e spams, que são fortes indicadores da qualidade da sua base de contatos.

2. Personalização de conteúdo

Depois de segmentar o seu público, fica mais fácil definir e formatar o e-mail marketing. É muito importante a personalização do conteúdo. A mensagem certa para a pessoa certa, não é assim que se fala? Isso é o que se chama conteúdo relevante, ou seja, aquele que realmente interessa e que vai aproximar a empresa dos seus clientes ou prospects. É esta relevância que vai evitar as caixas de spam e aumentar as taxas de entrega e abertura da mensagem. E, sempre que possível, coloque no corpo do e-mail o nome do destinatário. As pessoas gostam de se sentir especiais e não apenas mais um na multidão.

3. A importância do Assunto

Quando for preencher o campo Assunto, no e-mail, faça isso como se estivesse criando o título para um anúncio de revista. Ele tem que ser objetivo e atraente, ao mesmo tempo, para fazer que o destinatário se interesse e visualize o conteúdo. Evite expressões explicitamente promocionais, como Grátis, Imperdíveis, Desconto e outras similares que poderão encaminhar seu e-mail direto para a caixa de spam. Ou expressões em MAIÚSCULAS, acentuações exageradas!!! e palavras e s p  a  ç  a  d  a  s. Também é muito importante colocar o nome de sua empresa no campo Remetente, para informar de cara quem está enviando a mensagem.

4. Facilite o contato com sua empresa

Não se esqueça de inserir na mensagem uma chamada com link para direcionar o destinatário ao seu site, a um formulário de inscrição, à sua página nas redes sociais, a uma landing page ou outros pontos de contato com sua empresa. Os especialistas dão a esse procedimento o nome de call to action e será através dos cliques a estes links que você poderá medir o interesse despertado pela ação de e-mail marketing e dar continuidade ao relacionamento com o público-alvo.

5. Acompanhe os resultados

É muito importante gerenciar os resultados alcançados pela sua ação, porque são eles que vão permitir a readequação da estratégia. Um bom começo é verificar a taxa de abertura das mensagens. Se estiver muito baixa, provavelmente está indicando que o conteúdo não foi direcionado para a pessoa certa: erro na segmentação. Ou, então, estão revelando que o título no campo Assunto não se mostrou atraente. Se forem contabilizados muitos bounces, é hora de rever todo o mailing. Estes erros de envio comprometem o recebimento de campanhas futuras e podem causar problemas para o seu próprio endereço de remetente.

Como última dica, não se esqueça de que uma campanha de e-mail marketing não é uma andorinha solitária. Ela sempre deve estar integrada à estratégia de comunicação global que sua empresa desenvolve nas mídias digitais, nas redes sociais, na propaganda, na assessoria de imprensa ou qualquer outra.

< Voltar >



Um comentário em “5 dicas práticas para você usar e-mail marketing na sua estratégia de comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *